Turismo

mais inteligente mais acessível

mais sustentável

mais divertido!

A investigação na Naturalist foca-se na melhoria da experiência turística, tornando o turismo mais acessível e sustentável.
Da compreensão de espécies e fenómenos ambientais ao desenvolvimento de novos produtos e conceitos que resultem na melhoria do contacto com o destino e o meio natural.
 
 
A Naturalist, Lda. é uma MARE STARTUP
(MARE- Marine and Environmental Sciences Centre)
da Universidade de Lisboa e dos Açores

 

Monitorização e pesquisa

baseadas em

Ciência-Cidadã

Um dos conceitos promovidos pela Naturalist, Science & Tourism baseia-se na recolha de dados e  informação durante actividades de turismo, com interesse para a monitorização e pesquisa.
 
Descubra em baixo alguns dos projectos em curso.

Ecologia da Caravela Portuguesa Physalia physalis

Physalia physalis

Uma das espécies mais perigosas do Atlântico

Resumo: Trata-se de um invertebrado colonial que ocorre nos Açores e ocasionalmente nas costas da Europa continental. A sua importância ecológica e padrões de ocorrência continuam desconhecidos. Adicionalmente representa um risco potencial à saúde humana sobre cujo conhecimento é necessário.

Objectivos: Contribuir para o conhecimento sobre a ecologia de P. physalis no Atântico central.

 

Métodos e Dados: Transectos com contagens visuais durante os passeios de barco (whale watching, birdwatching, passeios costeiros), stranding occurrences desde 2012 e informação de satélite.

Publicações: Gone with the wind”: Fatty acid biomarkers and chemotaxonomy of stranded pleustonic hydrozoans (Velella velella and Physalia physalis). AR Lopes, M Baptista, IC Rosa, G Dionísio, J. Gomes-Pereira, J. Paula, C. Figueiredo, N. Bandarra, R Calado, R Rosa 2016. Biochemical Systematics and Ecology 66: 297-306. Download

Parceiros: MARE - Marine and Environmental Sciences Centre; Universidade dos Açores. Universidaed de Lisboa. Projecto Medusa.uac.pt

Foto identificação de falsas orcas

Pseudorca crassidens

Enigmáticos predadores de topo

Resumo: A equipa da Naturalist está a coordenar um estudo sobre a ecologia e habitat das falsas orcas (Pseudorca crassidens). A espécie é um predador de topo pouco estudado, com influência na presença e comportamento de outros cetáceos.

 

Objectivos: Estudo de habitat e ecologia de Pseudorca crassidens.

 

Métodos e Dados: Transectos visuais, foto-identificação e dados ecológicos

 

Publicações: NA

Parceiros: MARE - Marine and Environmental Sciences Centre; University of the Azores. University of Lisbon

Berçário de Tubarões Martelo

Sphyrna zigaena

Jacques Cousteau foi o primeiro a registar grandes agregações nos Açores

Resumo: A ecologia e distribuição da maioria das espécies de tubarão é ainda desconhecida. Agregações de tubarões martelo e a presença de juvenis à superfície entre os meses de Maio e Agosto são fenómenos conhecidos há algum tempo nos Açores. No entanto não foi ainda feito um estudo dedicado. A protecção de predadores de topo é chave na manutenção de um ecossistema saudável. Nota: Não se tratam de animais perigosos, sendo que geralmente evitam o contacto com os humanos.

 

Objectivos: Compreensão da ecologia e comportamento de berçário de tubarões martelo nos Açores.

 

Métodos e Dados: Transectos visuais, Medições e Marcação.

 

Publicações

 

Parceiros: MARE - Marine and Environmental Sciences Centre; University of the Azores.

OTHER PROJECTS

More information available soon

Habitat e Ecologia do Morcego dos Açores

Nyctalus azoreaum

O único morcego diurno do mundo!

Resumo: Primeiro estudo a longo prazo para caracterizar o habitat e os padrões sazonais de actividade da única espécie de mamífero endémica dos Açores.

Trata-se do único morcego diurno do mundo. São mais pequenos, mais leves e com pelagem mais escura, fazem também eco-localização a frequências mais altas. No entanto grande parte da sua ecologia continua desconhecida.

 

Objectivos: Compreensão do habitat e padrões de actividade do Morcego-dos-Açores

 

Métodos e Dados: Contagem fixas durante 10 minutos, incluindo número total de passagens e número máximo de animais no campo de visão.

 

Publicações: NA

 

Parceiros: NA

Monitorização de Lixo Marinho

Lixo marinho flutuante

Uma ameaça a toda a vida marinha

Resumo: O lixo marinho representa hoje uma ameaça a diferentes escalas nos Oceanos. Uma grande diversidade de vida marinha está actualmente exposta ao lixo marinho e toda a informação disponível é importante.

 

Objectivos: Estudar a diversidade (plástico, metal, madeira), densidade e dispersão de lixo marinho flutuante.

 

Métodos e dados: Transectos com contagens visuais (whale watching, birdwatching, passeios costeiros).

 

Publicações: NA

Parceiros: MARE - Marine and Environmental Sciences Centre; University of the Azores. University of Lisbon

Publicações

As publicações da Naturalist extendem-se de conteúdos educativos e informativos sobre história natural a investigação aplicada.

 

O material publicado é produzido pelos investigadores na Naturalist, mas não em exclusivo, resultando em muitos casos de colaborações com outros centros de investigação, estudantes e outros operadores turísticos.

 

 

LIVROS
Darwin nos Açores. Diário Pessoal com Comentários

Língua: Português e Inglês

 

Autores: José Nuno Pereira & Verónica Neves, com comentários de João Carlos Nunes, Susana Serpa Silva & Paulo Barcelos

Ano: 2009

 

Sinopse: Caracterização da viagem de Charles Darwin aos Açores a bordo do Beagle. 

ARTIGOS CIENTÍFICOS
Interacção entre Ciência e Turismo

Daily species check‐list from whale-watching. Studying the research potential with an Azorean case study. Pereira, J.N.G. 2008. Journal of Marine Biological Association 88: 1283‐1288.  DOI: 10.1017/S0025315408001070.

 

Este trabalho descreve o potencial dos registos diários de Whale Watching para fins de monitorização, com particular relevância para espécies raras e menos frequentemente vistas. O trabalho foi realizado utilizando o conjunto de dados de uma empresa de Whale Watching (Espaco Talassa)

Ocorrências raras e Registo de novas espécies

The little-known Fraser’s dolpin Lagenodelphis hosei in the North Atlantic: new records and a review of distribution. Gomes-Pereira, J. N., Marques, R., Cruz, M. J., & Martins, A. (2013). Marine Biodiversity, 1-12. online.

 

Os primeiros registos de L. hosei para os Açores e Madeira, com informação recolhida nas plataformas de Whale Watching. A distribuição do Atlântico Norte desta espécie é assim revista.

Fotografias: Maria Joana Cruz and João Quaresma

Ecologia, Fisiologia e Sistemática 

AR Lopes, M Baptista, IC Rosa, G Dionísio, J. Gomes-Pereira, J. Paula, C. Figueiredo, N. Bandarra, R Calado, R Rosa 2016. “Gone with the wind”: Fatty acid biomarkers and chemotaxonomy of stranded pleustonic hydrozoans (Velella velella and Physalia physalis). Biochemical Systematics and Ecology 66: 297-306. 

 

 

 

 

 

Gomes-Pereira, J.N., J.M. Gonçalves & M.R. Clarke 2016. Cephalopod identification keys to Histioteuthidae, Cranchiidae and Octopodiformes of the Azores, with an updated check-list. Arquipelago. Life and Marine Sciences 33: 1-12.

 

.

 

(+351) 968 327 633 - (+351) 916 746 917

 

CONTACT@NATURALIST.PT

Full Licences for Research,   Nature Parks & Whale Watching

RNAT18/2016 & RRAAT16/2016

  • Facebook
  • TripAdvisor
  • Instagram
  • Twitter

HELP BOOKING? CONTACT HERE